Diagnóstico da gestão do conhecimento: um estudo em uma organização da sociedade civil de interesse público

Ismael de Mendonça Azevedo, Lydia Maria Pinto Brito, Manoel Pereira da Rocha Neto, Maria Valéria Pereira Araújo

Resumo


As organizações mudaram a sua forma de gerar e gerir riqueza a partir da gestão do conhecimento. Neste contexto este estudo parte  da seguinte questão: Qual o nível atual da gestão do conhecimento na percepção dos coordenadores de unidades do Instituto Nordeste Cidadania? Seu objetivo geral foi: diagnosticar o nível atual da gestão do conhecimento de uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público - OSCIP, a partir da percepção dos coordenadores de unidades no Rio Grande do Norte, mediante aplicação do Diagnóstico de Gestão do Conhecimento de Bukowitz e Williams. O estudo foi elaborado com base em textos de referência. Trata-se de um estudo de caso qualitativo e descritivo. Os resultados revelam que, o instituto encontra-se em um elevado nível de gestão do conhecimento nos processos táticos e estratégicos. Conclui-se, porém, que precisa trabalhar pontualmente alguns indicadores para refinar o processo de gerenciamento do conhecimento.


Palavras-chave


Gestão do Conhecimento; Diagnóstico da Gestão do Conhecimento; Terceiro Setor.

Texto completo:

PDF

Referências


An, X., Deng, H., Chao, L., & Bai, W. (2014). Knowledge management in supporting collaborative innovation community capacity building. Journal of Knowledge Management, 18(3), 574-590.

Bardin, L. (2002). Análise de conteúdo. Trad. Luís Antero Reto e Augusto Pinheiro. Lisboa: Edições 70 LDA.

Bukowitz, W. R., & Williams, R. L. (2002). Manual de Gestão do Conhecimento: ferramentas e técnicas que criam valor para a empresa. Porto Alegre: Bookman Editora.

Bukowitz, W. R., Williams, R. L., & Mactas, E. D. (2004). Human capital mensurement. Research-technology Management, 47(3), 43-49.

Cardoso, L. (2007). Gestão do conhecimento e competitividade organizacional: um modelo estrutural. Comportamento Organizacional e Gestão, 13(2),191-211.

Castro, A. B. C. (2011). Gestão do conhecimento: um estudo em uma instituição pública de assistência técnica e extensão. Dissertação de mestrado profissional em Administração, Universidade Potiguar, Natal, RN, Brasil.

Dalkir, K. (2011). Knowledge management in theory and practice. (2a ed.). Cambridge: The MIT Press.

Dancey, C. P., & Reidy, J. (2006). Estatística sem matemática para psicologia. Trad. Lori Viali. Porto Alegre: Artmed.

Davenport, T. H. (2015). Process Management for Knowledge Work. In: vom Brocke J., Rosemann M. (eds) Handbook on Business Process Management 1. International Handbooks on Information Systems. Springer, Berlin, Heidelberg.

Davenport, T. H., Eccles, R. G., & Prusak, L. (1992). Information Politics. Sloan Management Review, p. 53-65.

Davenport, T. H., & Grover, V. G. (2001). Special Issue: Knowledge Management, Journal of Management Information Systems, 18(1), 3-4.

Davenport, T. H., & Prusak, L. (2003). Conhecimento Empresarial: como as organizações gerenciam seu capital intelectual. Rio de Janeiro: Campus.

Deng, H. (2006, November). A decision model for benchmarking knowledge management practices. In: Computational Intelligence for Modelling, Control and Automation, 2006 and International Conference on Intelligent Agents, Web Technologies and Internet Commerce, International Conference on (pp. 233-233). IEEE.

Freire, P. S.; Ueno, A. T.; Dias, M. A. H., & Santos, N. (2013). Ferramentas de avaliação de gestão do conhecimento: um estudo bibliométrico. Int. J. Knowl. Eng. Manag., 2(3), 16-38.

Godoy, A. S. (1995). Introdução a pesquisa qualitativa e suas possibilidades. Revista de Administração de Empresas, 35(2), 57-63.

Gohn, M. G. (2004). Empoderamento e participação da comunidade em políticas sociais. Saúde e Sociedade, 13(2), 20-31.

Guerrero-Baena, M. D., Gómez-Limón, J. A., & Fruet Cardozo, J. V. (2013). La valoración de inversiones productivas: Una aproximación metodológica basada en la creación de valor financiero e intelectual. Intangible Capital, 9(4), 1145-1169.

Gupta, U. G., Massa, N. P., & Azzopardi, J. (2016). Culture and intelectual capital: towards a conceptual framework. International Journal of Organization Analysis, 24(3), 438-453.

Lakatos, E. M. (2003). Fundamentos de metodologia científica. (5a ed.). São Paulo: Atlas.

Nonaka, I. (1994). A dynamics theory of organizacional knowledge creation. Organization Science, 5(1), 14-37.

Nonaka, I., & Toyama, R. (2003). The knowledge-creating theory revisited: knowledge creation as a synhesizing process. Knowledge Management Research & Practice, 1(n), 2-10.

Shein, E. H. (2004). Organizational Culture and Leadership. (3rd ed.). São Francisco.CA: Jossey-Bass.

Strauhs, F. R., Pietrovski, E. F., Santos, G. D., Carvalho, H. G., Pimenta, R. B., & Penteado, R. S. (2012). Gestão do conhecimento nas organizações. Curitiba: Aymará Educação.

Takeuchi, H., & Nonaka, I. (2008). Gestão do conhecimento. Trad. Ana Thorell. Porto Alegre: Bookman.

Tarapanoff, K. (2006). Inteligência, informação e conhecimento em corporações. Brasília: IBICT, UNESCO.

Trompenaars, F. (1996). Resolving international conflict: culture and business strategy. London Business School, 7(3), 51-88.

Turner, J. R., Zimmerman, T., & Allen, J. M. (2012). Teams as a sub-process for knowledge management. Journal or Knowledge Management, 16(6), 963-977.




DOI: https://doi.org/10.7769/gesec.v11i2.967

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2020 Ismael de Mendonça Azevedo, Lydia Maria Pinto Brito, Manoel Pereira da Rocha Neto, Maria Valéria Pereira Araújo

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

GeSec - Revista de Gestão e Secretariado | São Paulo, São Paulo, Brasil | e-ISSN:2178-9010

Para referências:

R. G. Secr., GESEC.

Esta Revista está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia