Pesquisa sobre empresas juniores em instituições de ensino superior do Distrito Federal: estudo de caso com foco no Centro Universitário IESB

Matheus da Costa Medeiros, Roberto Campos da Rocha Miranda

Resumo


Busca-se apresentar as características de empresas juniores instaladas em Instituições de Ensino Superior [IES], constituídas prioritariamente por discentes com o auxílio e gestão de docentes, para atender às necessidades do mercado e auxiliar no desenvolvimento da economia local e regional, capacitando os alunos e possibilitando experiências práticas, profissionais e oportunidades para obterem conhecimentos complementares fora das salas de aulas, bem como aumentar a visibilidade dos cursos das IES que aderirem ao modelo. Trata-se de pesquisa exploratória e bibliográfica, aplicada às IES localizadas no Distrito Federal, que possuem empresas juniores federadas ou qualquer outro modelo que se assemelhe. Foram realizadas entrevistas com os gestores das empresas juniores e aplicados questionários a uma amostra de alunos do curso de Administração de uma IES específica. Foram identificados, em documentos das empresas juniores, os erros mais comuns e as medidas frequentemente adotadas para corrigi-los ou evitá-los. Espera-se que as IES e os alunos que tenham a intenção de criar uma empresa universitária, possam utilizar os resultados auferidos no estudo para se orientarem, a fim de se obter melhores resultados no desempenho das empresas durante os seus primeiros anos de funcionamento.


Palavras-chave


Empresa Júnior, Teoria-Prática, Aprendizagem, Integração IES-Empresa, Desenvolvimento Profissional

Texto completo:

PDF

Referências


AD&M – Consultoria Empresarial. Sobre a AD&M (2015). Site institucional. Recuperado em 26 fevereiro, 2018, de: . Acesso em: 2 abr. 2015.

Augusto, M. N. (2015) Contribuições da empresa júnior para uma formação inovadora do discente na graduação em Comunicação. Universidade Municipal de São Caetano do Sul: São Caetano do Sul. Recuperado em 26 fevereiro, 2018, de: .

Battisti, P., Vigorena, D. & Knie, D. (2012). Empresa júnior: um estudo multicaso em cursos de secretariado executivo no Brasil. Revista Expectativa, 10(10), 75-90. Recuperado em 26 fevereiro, 2018, de: .

Brasil Júnior. (2012). Conceito Nacional de Empresa Júnior. Brasília: Confederação Brasileira de Empresas Juniores. Recuperado em 26 fevereiro, 2018, de: .

¬¬¬¬¬_____. (2012). DNA Júnior. Brasília: Confederação Brasileira de Empresas Juniores. Recuperado em 26 fevereiro, 2018, de: .

_____. (2014). Parecer Final Selo EJ 2014. Brasília: Confederação Brasileira de Empresas Juniores. Recuperado em 26 fevereiro, 2018, de: .

Concentro (2015). Lista de contatos. Brasília: Conselho Concentro (documento restrito).

Dias, T. R. F. V.; Vilas Boas, A. A.; Oliveira, G.Z. & Moreira, L. F. S. (2010). Características comportamentais empreendedoras dos estudantes membros de duas empresas juniores. XIII SemeaAD - Seminários em Administração. Recuperado em 26 fevereiro, 2018, de: .

L2M (2013). Estudo de viabilidade técnico econômico faixa B. Brasília: Centro Universitário IESB (documento restrito).

L2M (2014). Aprendizado e gestão. Brasília: Centro Universitário IESB, 2014. 36 slides. color. (documento restrito).

Peixoto, M. C. L. (1997). Ensino Superior: desafios e questões atuais. Trabalho e Educação, Belo Horizonte, vol. 2, n .2, pp.171-190, ago./dez. 1997. Recuperado em 26 fevereiro, 2018, de: < https://seer.ufmg.br/index.php/trabedu/article/view/7140>.

Santos, M. G., Brito-de-Jesus K. C., Souza-Silva, J. C., Silva, V. A. & Franco, A. P. S. (2013). Como aprendem os empresários juniores no Brasil: um estudo quantitativo sobre as modalidades de aprendizagem organizacional. Revista Gestão e Planejamento. vol. 14. a. 3. pp. 372-388. set./dez. 2013. Recuperado em 26 fevereiro, 2018, de: .

Santos, R. A. (2012). Desenvolvimento de competências profissionais em alunos de Engenharia: estudo de empresa júnior como ferramenta de integração teoria - prática. Revista Lugares de Educação, Bananeiras/PB, vol. 2, n. 1, pp. 3-13, jan.-jun. 2012. Recuperado em 26 fevereiro, 2018, de: .

Souza, G. C. (2002). Empresa Júnior, uma ferramenta facilitadora do processo de aprendizagem através da aplicação imediata de conceitos e teorias à realidade empresarial no ensino de administração no Brasil. Revista ANGRAD, Rio de Janeiro: Associação Nacional dos Cursos de Graduação em Administração, vol. 3, n. 4, pp. 98-111, out./dez. 2002. Recuperado em 26 fevereiro, 2018, de: .




DOI: https://doi.org/10.7769/gesec.v9i3.790

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Matheus da Costa Medeiros, Roberto Campos da Rocha Miranda

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

GeSec - Revista de Gestão e Secretariado | São Paulo, São Paulo, Brasil | e-ISSN:2178-9010

Para referências:

R. G. Secr., GESEC.

Licença Creative Commons
Esta Revista está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia