A informação e suas tecnologias: uma análise descritiva e correlativa das ementas das disciplinas de informática em cursos de bacharelado em secretariado executivo de instituições públicas de ensino superior no Brasil

Maricilene Isaira Baia do Nascimento, Glaucy Learte da Silva

Resumo


A pesquisa objetiva analisar descritiva e correlativamente as ementas das disciplinas de informática ofertadas em cursos de bacharelado em Secretariado Executivo de Instituições públicas de Ensino Superior -IES de diferentes regiões do Brasil, evidenciando a organização pela qual a disciplina está sendo ofertada nessas IES, bem como identificando as similaridades e peculiaridades que elas apresentam na organização da referida disciplina. Foram utilizadas ferramentas da estatística descritiva (medidas de localização, de dispersão e de forma de distribuição) e da correlação, em destaque para a correlação de Pearson, na realização da exploração dos dados, para os quais se adotaram as seguintes etapas: a) identificação das Instituições de Ensino Superior públicas no Brasil que ofertam os cursos de bacharelado em Secretariado Executivo, por meio do portal e-MEC; b) coleta das matrizes curriculares e dos projetos políticos pedagógicos as ementas das disciplinas ofertadas nos cursos de secretariado; c) identificação das ementas das disciplinas de informática e d) categorização das “áreas” da disciplina conforme observado nas ementas em questão. Participaram da pesquisa dez IES, a partir das quais foi possível observar o panorama de como está sendo construída a oferta de profissionais de Secretariado Executivo com habilidades na área de tecnologia da informação para o mercado de trabalho, e, também, o método adotado possibilitou diagnosticar as similaridades e peculiaridades na organização da oferta da disciplina de informática nos cursos de bacharelado em Secretariado Executivo nas diferentes Instituições pesquisadas, de diferentes regiões brasileiras.

DOI: 10.7769/gesec.v4i3.213


Palavras-chave


Informação; Tecnologia; Formação; Secretariado Executivo

Texto completo:

PDF

Referências


Campos, R. L. B. L. (2010). Qual o perfil do profissional da área de tecnologia da informação? SBC Horizontes, 3(3). Recuperado em 26 de maio, 2013, de http://portal.sbc.org.br/horizontes/doku.php?id=v03n03:31.

Carvalho, E. S. (2011). O impacto da gestão de documentos no processo de produção digital da TV Senado. Brasília: Senado Federal.

Castells, M. (1999). A sociedade em rede. São Paulo: Paz e Terra. (Vol. 1: A era da informação: economia, sociedade e cultura.)

Faria, C. F. S. (2012). O parlamento aberto na era da internet: pode povo colaborar com o Legislativo na elaboração das leis? Brasília: Câmara dos Deputados, Edições Câmara.

Fernandes, I. & Souza, J. T. (2012, outubro). O perfil do profissional de secretariado de nível superior demandado no mercado brasileiro. Anais do Simpósio de Excelência em Gestão e Tecnologia. Rezende, RJ, Brasil, IX. Disponível: www.aedb.br/seget/artigos12/50316683.pdf.‎

Galindo, A. G., Carvalho, I. C. & Souza, E. C. P. (2012). Cursos de bacharelado em secretariado na região norte do Brasil: análise exploratória de suas matrizes curriculares. Revista Gestão e Secretariado – GeSec. São Paulo. São Paulo (Vol. 3, n. 1, pp. 134-158.)

Leomar (2011). Conteúdo programático de procedimento de gestão de qualidades [Manual]. Rondônia: Senar-AR. Recuperado em 15 de julho, 2013, de www.senar-ro.org.br/instrutores/PG10.pdf‎.

Lira, S. A. (2004). Análise de correlação: abordagem teórica e de construção dos coeficientes com aplicações. Dissertação de mestrado, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, PR, Brasil. Disponível: www.ipardes.gov.br/biblioteca/docs/dissertacao_sachiko.pdf.

Nonato, R., Jr. (2009). Epistemologia e teoria do conhecimento em secretariado executivo: a fundação das ciências da assessoria. Fortaleza: Expressão Gráfica.

Sála, J. S. (2008). Guia de informação para secretários executivos. Brasília. Disponível:http://www.fenassec.com.br/pdf/artigos_trabalhos_guia_secretariado_janeide.pdf .

Santomé, J. T. (1998). Globalização e interdisciplinaridade: o currículo integrado. Porto Alegre: Editora Artes Médicas.

Saracevic, T. (1996). Ciência da informação: origem, evolução e relações. Perspectivas em Ciência da Informação. Belo Horizonte (Vol. 1, n. 1, pp. 41-62).

Scarton, G. (2002). Guia de produção textual: assim é que se escreve. Como redigir uma ementa [Manual]. Porto Alegre: PUC-RS. Disponível: http://www.pucrs.br/gpt.

Tarapanoff, K., Suaiden, E. & Oliveira, C. L. (2002). Funções Sociais e oportunidades para profissionais da informação. DataGramaZero: Revista de Ciência da Informação. Rio de Janeiro. (Vol. 3, n. 5, [s. p].) Disponível: http://www.datagramazero.org.br/out02/Art_04.htm.

Tenório, F. G. (2007). Tecnologia da informação transformando as organizações e o trabalho. Rio de Janeiro: Editora FGV.




DOI: https://doi.org/10.7769/gesec.v4i3.213

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Maricilene Isaira Baia do Nascimento, Glaucy Learte da Silva

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

GeSec - Revista de Gestão e Secretariado | São Paulo, São Paulo, Brasil | e-ISSN:2178-9010

Para referências:

R. G. Secr., GESEC.

Licença Creative Commons
Esta Revista está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia