Revista de Gestão e Secretariado

A Revista Gestão e Secretariado – GESEC é uma publicação de caráter Técnico e Cientifico que visa ampliar a discussão e disseminação da temática de secretariado e áreas correlatas, resultante de pesquisas acadêmicas e profissionais. Sua linha editorial está assentada em temas que dizem respeito às áreas de gestão e de Processos Administrativos/Técnicos das organizações e instituições de ensino. A GeSeC pretende acumular pesquisas para se tornar uma referência em estudos acadêmicos em Secretariado.

Esse projeto editorial é resultado de uma parceria de pesquisadores pertencentes a diversos núcleos e grupos de estudos de secretariado existentes em universidades e no Comitê Estratégico do Sindicato das Secretárias e Secretários do Estado de São Paulo – SINSESP. A revista adquiriu a confiança e o efetivo envolvimento da comunidade científica tanto na apresentação de artigos como na elaboração de pareceres. As melhores práticas editoriais são adotadas, seguindo todas as recomendações e normas do QUALIS/CAPES e da plataforma digital – Serviço de Eletrônico de Editoração de Revistas - SEER, que opera todo o sistema.

A GeSec acolhe artigos em (português, inglês e espanhol) avaliados pelo sistema Double Blind Review (Avaliação por Pares), ou seja, os artigos serão avaliados por Pareceristas.



v. 5, n. 3 (2014): setembro-dezembro

Editorial Vol. 5 Nº 3 - 2014 (setembro/dezembro)

 

Mais um ano termina, mas para nós da Gesec é uma data a ser comemorada, pois com este número a revista completa cinco anos de existência. Cinco anos de muita dedicação de todos os membros da equipe editorial, membros do conselho, comitê e dos pareceristas, dos revisores, com total apoio dos autores, a divulgação, as observações e retornos dos leitores, em nome da Gesec aproveito esta data para agradecer a eles por terem acreditado e contribuído com a revista.

Ao falar dos cinco anos de existência, lembro-me das primeiras discussões no Comitê Estratégico de Educação do Sinsesp sobre a criação da revista, bem como, após a sua criação, as ações adotadas para anunciarmos este novo meio de divulgação das pesquisas sobre o secretariado. Aqui, não posso deixar de agradecer a Isabel Cristina Baptista, por ter acreditado no potencial do projeto e oferecido toda a estrutura necessária para sua concretização, aos membros do Comitê Científico, que trouxeram suas inquietações e que muito contribuíram para que a Gesec se tornasse a referência que é hoje no Secretariado. E finalmente, não poderia deixar de agradecer a minha companheira e amiga Maria do Carmo de Assis Todorov (Madu), pelo competente trabalho como Gestora Editorial. Ao longo desses cinco anos temos muitas histórias para contar; afinal foi com muita dedicação e luta que hoje temos um espaço reconhecido na academia por sua qualidade. Merece destaque essa iniciativa que tem como missão poder demonstrar a seriedade dos resultados das pesquisas que os envolvidos com o secretariado geram.

Então, parabéns a todos e que continuem colaborando para que a nossa revista Gesec cresça ainda mais.

O primeiro artigo desta edição, intitulado “Gestão por competências com uso da metodologia multicritério na avaliação de profissionais de apoio administrativo de um Call Center, foi escrito pelos autores Maria do Céu de Sena Moura e Marcos Felipe Falcão Sobral da Universidade Federal Rural de Pernambuco, que realizaram uma pesquisa exploratória para classificar e analisar as competências de profissionais assessores administrativos, com a utilização da ferramenta de Apoio Multicritérios a Decisão. Também discutiram a influência da Tecnologia da Informação na atuação do Profissional de Secretariado em diferentes contextos empresariais.

A pesquisa intitulada “Reflexões sobre o trabalho secretarial e questões para futuros estudos: uma contribuição conceitual” das autoras Debora Zuin da Universidade Federal de Viçosa e Patricia Findlay da Strathclyde University, Reino Unido, é resultado de parceria internacional, em que as autoras realizaram uma reflexão acerca de questões relacionadas ao trabalho secretarial.

O trabalho “Secretariado Executivo no Brasil: Quo Vadis?” de Ivanete Daga Cielo, Carla Maria Schmidt e Keila Raquel Wenningkamp da Universidade Estadual do Oeste do Paraná, é um estudo quantitativo para entender o desenvolvimento e o cenário dos cursos de Secretariado Executivo no Brasil.

No quarto artigo “Produção acadêmica em Secretariado: Análise dos artigos da Revista de Gestão e SecretariadoGesec e da revista Secretariado Executivo em Revist@ entre 2005 e 2012”, os autores Edson Sadao Iizuka, Walkiria Aparecida Gomes de Almeida das instituições: Fundação Escola de Comércio Alvares Penteado e Escola Superior de Propaganda e Marketing realizaram uma análise qualitativa e quantitativa nos artigos que foram publicados nas duas revistas entre os 2005 a 2012.

As autoras Cibelle da Silva Santiago, Lidiane Reis e Maria Luzitana Conceição dos Santos da Universidade Federal de Pernambuco e Universidade Federal da Paraíba, respectivamente, apresentaram suas contribuições no trabalho “Espiritualidade corporativa: realidade ou mito na visão do profissional de secretariado?” ao discutirem o tema, as autoras objetivaram demonstrar, com um estudo empírico, como uma Diretoria de Cultura e o Secretário (a) entendem, exercitam e estimulam o desenvolvimento da espiritualidade na organização.

Em “A assessoria executiva no processo de tomada de decisão”, escrito por Vania Silva de Souza Bilert, Adriana Aparecida Kovalski da Silva, Juliane Aparecida Leal dos Santos e Rosicléia Aparecida Cabral da Universidade Estadual do Centro-oeste, foi apresentado em um estudo de caso, com o objetivo de compreender as relações e a influência da assessoria executiva no processo de tomada de decisão junto aos gestores da organização.

Já Fernanda Geremias Leal e Marcos Baptista Lopez Dalmau da Universidade Federal de Santa Catarina com o artigo “Análise das competências secretariais requeridas pela Universidade Federal de Santa Catarina em comparação ao perfil profissiográfico do Secretário Executivo”, trouxeram uma análise das competências secretariais requeridas pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC em comparação ao perfil profissiográfico do Secretário Executivo, no contexto da Gestão por Competência.

Boa leitura!

 

Profa. Dra. Cibele Barsalini Martins

Editora Científica

Sumário

Artigos

Maria do Céu de Sena Moura, Marcos Felipe Falcão Sobral
PDF
01-27
Débora Carneiro Zuin, Patricia Findlay
PDF
28-48
Ivanete Daga Cielo, Carla Maria Schmidt, Keila Raquel Wenningkamp
PDF
49-70
Edson Sadao Iizuka, Walkiria Aparecida Gomes de Almeida
PDF
71-93
Cibelle da Silva Santiago, Lidiane Reis, Maria Lizitana Conceição dos Santos
PDF
94-118
Vania Silva de Souza Bilert, Adriana Aparecida Kovalski da Silva, Juliane Aparecida Leal dos Santos, Rosicléia Aparecida Cabral
PDF
119-142
Fernanda Geremias Leal, Marcos Baptista Lopez Dalmau
PDF
143-174